Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

LEYA BIS – LIVROS DE BOLSO

LIVROS DE BOLSO DA COLECÇÃO BIS

LEYA BIS – LIVROS DE BOLSO

LIVROS DE BOLSO DA COLECÇÃO BIS

EVOCAÇÃO A ALVES REDOL ABRE CICLO DE INICIATIVAS DO PROJETO DA CANDIDATURA AVIEIRA A PATRIMÓNIO IMATERIAL

O escritor Alves Redol vai ser evocado no dia 4 de novembro, em Santarém, numa sessão organizada pelos promotores da candidatura avieira a património imaterial nacional e da UNESCO.

A evocação, que assinala o centenário do nascimento do autor do romance neorrealista Avieiros, dá início a um conjunto de iniciativas apresentadas terça-feira em conferência de imprensa e que se vão realizar até ao final de 2012.

A sessão evocativa, promovida pelo Instituto Politécnico de Santarém, pelas câmaras municipais de Santarém e Vila Franca de Xira, pelo Museu do Neorrealismo, pela Associação Promotora do Museu do Neorrealismo e pela Editoral Caminho, inclui o lançamento da 12.ª edição de Avieiros.

O projeto avieiro procura resgatar do esquecimento e recuperar os vestígios da cultura deixada à beira-rio pelos pescadores que, no início do século XX, migraram da zona de Vieira de Leiria, tendo vindo a desenvolver um conjunto de trabalhos académicos e de reabilitação das aldeias palafíticas que persistem, essencialmente junto ao Tejo.

Os “problemas sérios” deste rio vão ser precisamente o tema do Fórum Ibérico do Tejo que se realizará provavelmente em junho do próximo ano, coincidindo com a Feira Nacional da Agricultura, com o objetivo de “consagrar uma estratégia de participação cívica dos agentes no terreno e da investigação científica aplicada”, visando a sustentabilidade futura deste território.

O fórum internacional envolve os institutos politécnicos de Santarém, Tomar, Castelo Branco e Setúbal, e as universidades de Évora, Aveiro, Minho, Beira Interior, Aberta, Talavera de La Reina e Complutense de Madrid (ambas espanholas), contando com a participação da Sociedade de Geografia de Lisboa e de outras instituições.

Teresa Serrano, vice-presidente do Instituto Politécnico de Santarém e coordenadora do projeto, disse à Agência Lusa que este será um dos momentos que visa dar “visibilidade” e consubstanciar a candidatura tanto a património imaterial nacional como da UNESCO.

Outro momento será o III Congresso Nacional da Cultura Avieira, a decorrer em meados de 2012 em Santarém, na senda do trabalho de criação de um novo destino turístico em Portugal com base no rio Tejo e num consórcio que reúne já trinta e nove instituições.

Para o final de 2012 está prevista a realização do I Festival Internacional de Cinema de Santarém, que terá por tema “Povos e Rios” e por objetivo a divulgação de obras audiovisuais produzidas no espaço da União Europeia relacionadas com esta temática.

O festival, que terá como diretor o produtor e realizador Francisco Manso, está a ser planeado para ter uma periodicidade anual.

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Mais sobre mim

imagem de perfil

Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2013
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2012
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2011
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2010
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2009
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2008
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D