Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

LEYA BIS – LIVROS DE BOLSO

LIVROS DE BOLSO DA COLECÇÃO BIS

LEYA BIS – LIVROS DE BOLSO

LIVROS DE BOLSO DA COLECÇÃO BIS

CENTENÁRIOS DOS NASCIMENTOS DE ALVES REDOL E MANUEL DA FONSECA CELEBRADOS NO MUSEU DO NEORREALISMO

Os escritores Alves Redol e Manuel da Fonseca, cujos centenários dos respetivos nascimentos se comemoram este ano, serão recordados no Museu do Neorrealismo, em Vila Franca de Xira, com exposições, congressos internacionais, leituras encenadas e filmes.

A 30 de setembro, pelas 19h00, será exibido Cerromaior, realizado por Luís Filipe Rocha em 1980, numa adaptação do primeiro romance de Manuel da Fonseca. A sessão contará com a presença do realizador.

Inaugurada no museu vila-franquense a 28 de maio, a Grande Exposição do Centenário de Manuel da Fonseca estará patente até 9 de outubro, sendo reinaugurada a 15 de outubro, data do nascimento do escritor, no Museu de Santiago do Cacém, sua terra natal.

De 7 a 9 de outubro, realiza-se o congresso internacional "Por Todas as Estradas do Mundo", organizado pelo museu em parceria com o Centro de Estudos Comparatistas da Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa, que conta com a participação dos académicos Eduardo Lourenço, Fernando Guimarães, Fernando J. B. Martinho, Luís Filipe Rocha, Manuel Gusmão, Rosa Maria Martelo, Manuel G. Simões e Vítor Viçoso.

A 14 de outubro, será exibido, no âmbito do ciclo de cinema "Imagens e Palavras de Alves Redol", o documentário de Francisco Manso Alves Redol (2011), sobre o escritor que, em 1939, introduziu em Portugal o neorrealismo, com o romance Gaibéus – nome dado aos camponeses da Beira que iam para o Ribatejo fazer a ceifa do arroz.

Na epígrafe à primeira edição de Gaibéus, escreveu o autor: “Este romance não pretende ficar na literatura como obra de arte. Quer ser, antes de tudo, um documentário humano fixado no Ribatejo. Depois disso, será o que os outros entenderem.”

A 22 de outubro, serão inauguradas no museu a exposição biobibliográfica “Alves Redol – Centenário” e as mostras “Alves Redol, a Fotografia e o Documento” e “Alves Redol em BD: projetos de banda desenhada em torno da narrativa redoliana”.

Em novembro, no dia 5, pelas 16h00, haverá uma "Leitura e Análise da Obra de Alves Redol", por Vítor Viçoso e pelo Grupo de Teatro do Grémio Literário Povoense, a que se seguirá, no dia 12, à mesma hora, uma conferência intitulada "Alves Redol no grande espaço linguístico português".

A 25 de novembro, às 19h00, os visitantes do museu são convidados a assistir à sessão "Alves Redol e a Rádio", que consiste na audição de entrevistas e declarações do escritor à rádio portuguesa.

Já em janeiro de 2012, a concluir as comemorações, será entregue, em data a definir, o Prémio Literário Alves Redol – Romance e Conto, e realiza-se nos dias 19, 20 e 21 o Congresso Internacional "Centenário de Alves Redol", fruto de mais uma parceria do museu com a Faculdade de Letras de Lisboa.

A Editorial Caminho recorda também o centenário do nascimento de Manuel da Fonseca através da reedição da obra do autor: O Fogo e as Cinzas e Seara de Vento (setembro); Cerromaior e Aldeia Nova (outubro); Obra Poética de Manuel da Fonseca; Um Anjo no Trapézio e Tempo de Solidão (novembro).

Mais sobre mim

imagem de perfil

Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2013
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2012
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2011
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2010
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2009
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2008
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D